Desde 1984
Editorial
10 de Dezembro de 2021
Bombeiros em Monlevade

Uma demanda antiga da população de João Monlevade está próxima de ser atendida: a instalação de um Pelotão do Corpo de Bombeiros. Ainda não há data definida para que a corporação se instale, mas a previsão é que seja até dezembro do ano que vem. A vinda de um Pelotão dos Bombeiros Militares está acertada com o governo do Estado e também é desejo do governo Laércio Ribeiro (PT).

Nesta semana, os vereadores aprovaram emenda ao Plano Plurianual Municipal (PPA), direcionando previsão de recurso para a futura instalação e manutenção da unidade dos Bombeiros. Agora, falta a sanção do prefeito.

Muitos temem que a chegada dos bombeiros prejudique os trabalhos do Serviço Voluntário de Resgate (Sevor), que há 21 anos desenvolve de forma 100% voluntária, ações tão importantes para salvar vidas. O Coronel Alexandre Casarim, comandante do 5º Comando Operacional de Bombeiros Militar de Governador Valadares, responsável pela região, esteve na cidade nesta semana, e afirmou que os bombeiros não serão contra os socorristas. Pelo contrário. 

Ainda que seja instalado um Pelotão dos Bombeiros, é fundamental que a população continue ajudando ao Sevor, que vive exclusivamente de doações da comunidade, de entidades e poder público. Com a expansão da Usina de Monlevade e também ampliação do município, através de novos bairros e loteamentos, é fundamental a vinda de um Pelotão dos Bombeiros e essencial que o Sevor continue com a ajuda de todos. Já passou da hora do município ter mais garantias e segurança pública para que a população não pague o alto preço da insegurança.