Desde 1984
Região
29 de Julho de 2022
Produtos da região podem ser vendidos para todo o Brasil

Consmepi abre mercado para produtos de origem animal e fortalece desenvolvimento 

Uma vitória para os municípios da região. A Associação dos Municípios da Microrregião do Médio Rio Piracicaba (Amepi), através do Consórcio Intermunicipal Multissetorial do Médio Rio Piracicaba (Consmepi), conseguiu a equivalência do Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal (Sisbi-POA). A grande vantagem da adesão do Consmepi ao Sisbi-POA é que os empresários e produtores da região, das áreas de carnes e derivados, leite e derivados, mel, pescado e ovos, que tiverem seus produtos registrados, inspecionados e aprovados no Serviço de Inspeção Municipal (SIM) podem comercializá-los em todo o Brasil. 


A medida amplia mercados e gera novas oportunidades de negócios e desenvolvimento.  O presidente da Amepi e do Consmepi, o prefeito de São Domingos do Prata, Fernando Rolla, destaca a importância da conquista para a região. “A diversificação econômica é uma bandeira que levantamos e, com muito esforço e dedicação, conseguimos a equivalência ao Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal, possibilitando, que através do selo SIM-Consmepi, os produtos do Médio Rio Piracicaba possam alcançar o comércio em todo o Brasil. Essa conquista é de todos nós, do nosso povo, dos nossos empreendedores, da nossa cultura, do nosso trabalho, da nossa região. É mais um avanço para nossos municípios, sem dúvida”, afirma Fernando Rolla. 


Na próxima quinta-feira (4), o ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), Marcos Montes, entrega ao presidente Fernando Rolla, o título de adesão do Consmepi ao Sisbi-Poa em solenidade no auditório da Escola de Medicina Veterinária da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). A entrega da equivalência consolida o trabalho iniciado em 2020, desenvolvido pela equipe técnica do Consmepi: o médico veterinário Alexandre Lopes, a também  veterinária Marcela Lorenze, a diretora de programas do Consmepi, Marilda Santiago, e a secretária executiva, Christiane Linhares Vale.


O Consmepi vem intensificando as ações para ampliar os municípios consorciados. Atualmente, são 14 municípios que aderiram ao SIM. “A região também possui uma grande variedade de produtos de origem animal e cinco já trabalham para se adequar às normas para aumentar a produção, de olho na ampliação do mercado para além das fronteiras regionais e do estado. Empreendedores, agricultores familiares e produtores que querem comercializar seus produtos devem estar de acordo com as exigências sanitárias, seguindo a legislação específica vigente”, explica o veterinário Alexandre Lopes.  Segundo ele, o primeiro passo é procurar a secretaria de agricultura do município e solicitar o registro do estabelecimento produtor ou mesmo o Consmepi para receber todas as orientações. 


Ao longo de 2021 e também neste ano, a equipe do Consmepi participou de treinamentos, cursos e capacitações para ser aprovada pelo Ministério da Agricultura. Também foi realizada auditoria por fiscais federais agropecuários do Ministério de Agricultura. Eles comprovaram que as medidas de inspeção higiênico-sanitária e tecnológica praticadas pelo consórcio permitem avaliar a qualidade e inocuidade dos produtos de origem animal com a mesma eficiência do Ministério. 


Os requisitos e procedimentos necessários para o reconhecimento da equivalência e adesão ao Sisbi-POA estão estabelecidos no Decreto n° 5.741, de 30 de março de 2006, e na Instrução Normativa MAPA n° 17, de 6 de março de 2020.