Desde 1984
Polícia
25 de Julho de 2022
PC procura por membro de quadrilha de falsificadores que estava em Monlevade
Arquivo JAN

A Polícia Civil mantém as diligências para prender um suspeito de envolvimento em um esquema de falsificação de documentos para golpes que estava em João Monlevade. A corporação tentou prendê-lo na manhã da última sexta-feira (22), mas ele não estava em casa. Em seguida, ele fugiu da cidade, e é considerado foragido da Justiça. O delegado regional, Bernardo de Barros Machado, afirmou que “ao mesmo tempo, estamos cientes de que em João Monlevade ele não vai aplicar golpes novamente”.

A busca faz parte de uma operação que prendeu 14 pessoas na sexta-feira. A ação da Polícia Civil cumpriu 35 mandados de busca e apreensão em Belo Horizonte e em seis cidades da região metropolitana, em João Monlevade, Juiz de Fora, Ituiutaba e na cidade sul-mato-grossense de Três Lagoas. Os presos foram levados ao Departamento de Operações Especiais (Deoesp) da PCMG. Ao fim, a operação prendeu papéis para impressão de documentos, notas falsas e equipamentos. Os trabalhos de investigação levaram cerca de dois anos. O líder da quadrilha já havia sido preso no ano passado, mas conseguiu liberdade provisória e fugiu. A suspeita é de que esse bando seja um dos maiores do país. (Com informações da TV Globo).