Desde 1984
Polícia
10 de Junho de 2022
247 anos da PMMG - Homenagens e baixa histórica no crime marcam comemoração
João Vitor Simão
Homenagens foram entregues durante cerimônia de comemoração na última quarta-feira

A 17ª Companhia de Polícia Militar Independente comemorou, na manhã de quarta-feira (8), o aniversário de 247 anos da corporação, completados ontem (9). Uma solenidade na sede do Sest-Senat, no bairro Campos Elísios, festejou a data, próxima dos 17 anos de fundação da unidade situada em Monlevade. A comemoração foi encabeçada pelo comandante da companhia, tenente-coronel Agnaldo de Souza Schuab, e contou com a presença de dezenas de militares da unidade, da ativa e da reserva, além de autoridades de João Monlevade e do Médio Piracicaba. 
Em seu discurso, o comandante destacou a importância histórica da Polícia Militar em quase um quarto de milênio, contando em suas fileiras com o ex-governador e ex-presidente da República Juscelino Kubitschek de Oliveira e com o embaixador e escritor João Guimarães Rosa. Ele também destacou os bons resultados obtidos pela 17ª Companhia Independente, com a contínua queda da criminalidade desde 2016. Neste ano, segundo o comandante, os dez municípios abrangidos pela unidade registraram cinco homicídios, o menor índice da região. O tenente-coronel ainda enfatizou que, conforme dados do Ministério da Justiça, Minas Gerais é o estado menos violento do Brasil.

Homenagem 

Durante a solenidade, o comandante Schuab entregou a Medalha do Mérito Militar, que premia os policiais que se sobressaíram no ofício de defender a sociedade. Também foram concedidos certificados de destaque da 17ª Companhia Independente e da 12ª Região de Polícia Militar aos militares de notável desempenho, e às autoridades e personalidades da sociedade civil que contribuem com o trabalho policial. Muito aplaudidos foram os veteranos que receberam a honraria, e que passaram à reserva depois de uma vida de sacrifício em prol da segurança pública. 
Participaram da solenidade os prefeitos de João Monlevade, Laércio Ribeiro (PT), e de Dionísio, Francisco Castro Souza Filho (MDB); os vice-prefeitos de João Monlevade, Fabrício Lopes (Avante), e de Sem-Peixe, Antônio Julião Lopes (PSD); os vereadores de João Monlevade Bruno “Cabeção” (Avante), Fernando Linhares (União Brasil), Gustavo Maciel (Podemos), Leles Pontes (Republicanos) e Revetrie Teixeira (MDB); o vereador de Nova Era Ricardo da Silva “Royal” Bento (PRTB); a presidente do Consep Geral, Creuza Gomes; o delegado Alberto Gomes Vieira; os chefes da Polícia Penal em São Domingos do Prata, Oséias Nascimento, e em Nova Era, Dorotéia Guedes; e o presidente do Lions Club Sobral, Hamilton Siqueira.

Histórico

A Polícia Militar de Minas Gerais foi fundada em 9 de junho de 1775, por decreto do rei Dom José I de Portugal, para proteger a região das Minas de Ouro. Atualmente, ela é uma das forças militares mais antigas do continente americano, tendo o alferes Joaquim José da Silva Xavier, o Tiradentes, como patrono. Já a 17ª Companhia Independente da Polícia Militar foi criada em 30 de maio de 2005, tornando-se independente do 26º Batalhão, sediado em Itabira. A unidade está subordinada à 12ª Região de Polícia Militar, sediada em Ipatinga.