Desde 1984
Polícia
04 de Janeiro de 2022
Confusão em bar tem empurrões, insultos e bomba em Bela Vista de Minas
Arquivo JAN

Um desentendimento em um bar tornou-se caso de polícia neste domingo (2) em Bela Vista de Minas. Uma mulher de 49 anos procurou a Polícia Militar queixando-se de ter sido agredida e insultada em um estabelecimento no bairro Senhor do Bonfim. Ela relatou que seu marido trabalha locando equipamentos de som para bares na cidade, e pouco antes das 19 horas, ele desligara o aparelho, atendendo ao pedido do proprietário da casa comercial. 

Neste momento, segundo o relato da vítima, um rapaz de 25 anos começou a discutir com a mulher, empurrando-a, dizendo que fora ela quem obrigou o marido a desligar o som e chamando-a de “desgraça”. Ela conta que, para evitar atritos, ela e o marido deixaram o estabelecimento e foram para outro, mas foram seguidos pelo autor, que chamava a senhora de “trambiqueira” e dizendo que ela não pagava suas contas em dia. 

O autor teria, segundo a mulher, atirado-lhe uma bombinha tipo rojão, que bateu em seu braço esquerdo, provocando um pequeno hematoma de queimadura. Ela dispensou o atendimento médico, mas demonstrou interesse em representar contra o seu alegado agressor. Acionada, a Polícia Militar realizou buscas pelo suspeito, mas ainda não o encontrou.