Desde 1984
Variedades
26 de Novembro de 2021
Entrevista José Oscar de Morais (Ex-presidente do Real Esporte Clube)
Erivelton Braz
José Oscar é empresário e encerra mandato à frente do Real

“A principal conquista para o associado foi, sem dúvida, a manutenção do patrimônio moral e histórico do clube durante esta pandemia”

O empresário José Oscar de Morais encerrou, no dia 16 de novembro, seu terceiro mandato como presidente do Real Esporte Clube, um dos clubes mais importantes da região. Sua gestão foi marcada por desafios, em virtude da pandemia. Mesmo assim, conseguiu manter o clube em pleno funcionamento, sem demissões, com descontos na mensalidade e mais, entregando obras para melhorar o espaço do associado. Tudo isso contribuiu para que a diretoria comandada por ele, elegesse o sucessor para estar à frente do Real, o também empresário Cláudio Pereira. Confira a entrevista:

 

Você concluiu mais um mandato à frente do Real Esporte Clube. Qual a principal conquista para os associados em sua gestão?
 
 A principal conquista para o associado foi, sem dúvida, a manutenção do patrimônio moral e histórico do clube durante esta pandemia. Conseguimos manter o clube de pé, sem demissões, sem perda de sócios proprietários com descontos nas mensalidades de 25% de março de 2020 até o fim deste ano. Também demos isenção de 100% nos meses de março, abril e maio de 2021 e ainda fizemos obras a se destacar: a piscina baby e o refeitório para nossos funcionários. Importante ressaltar que ainda mantivemos o capital de giro da instituição na casa de R$1 milhão.

Que balanço você faz da sua gestão? 

Um balanço positivo, de muito trabalho, uma gestão bastante cansativa, mas muito gratificante. Principalmente, por estar ao lado de pessoas tão importantes e que estiveram a meu lado, que me ajudaram imensamente. Obrigado aos componentes de nossa equipe e a todos os colaboradores do clube.

O que torna o Real Esporte Clube o melhor clube de João Monlevade, inclusive, sendo reconhecido diversas vezes pela opinião popular, no Prêmio 100 Melhores do Jornal A Notícia?

Em primeiro lugar, a paixão que move todos os associados. A se destacar o voluntariado puro, sem vantagens, sem regalias, sem privilégios. Ninguém tem tratamento diferente por ser Presidente, Vice, Diretor etc. É um clube que é amado por todos, o que faz dele ser tão especial. Agradeço a cada um que votou para eleger o Real como o melhor clube de João Monlevade.

O Real teve uma disputa entre duas chapas e a chapa apoiada pela situação saiu vitoriosa. Como você avalia o resultado?


O resultado foi excepcional, levamos mais de 660 associados ao clube em um domingo sem nenhum atrativo extra. Quero aqui enaltecer o espírito democrático, o civismo de todos. Meu muito obrigado aos associados do Real Esporte Clube que participaram desse processo de escolha da nova gestão. 

O que você espera da próxima diretoria? Quais as suas expectativas?

Espero que a próxima diretoria continue zelando pelo clube, com os mesmos princípios que levaram o Real Esporte Clube ao que é hoje. A minha expectativa é de uma gestão mais moderna, mais próxima dos associados e atendendo aos anseios deles.

E o futuro do José Oscar de Morais? 

O futuro de José Oscar será sem dúvida a busca por novos desafios, sempre trabalhando com honestidade, humildade e com prazer em servir.

Quer fazer alguma consideração? 

Quero, mais uma vez, trazer aqui um agradecimento especial aos associados que são a razão de ser do Real Esporte Clube. Agradecer a minha família e aos membros da nossa diretoria pelo apoio incondicional. Muito obrigado pela confiança.