Desde 1984
Polícia
08 de Outubro de 2021
Polícia alerta contra “golpe do cartão bancário”

Nesta semana, dupla foi presa em Itabira por estelionato

 

O 26º Batalhão da Polícia Militar, sediado em Itabira, lançou nesta quarta-feira (6) um alerta à comunidade contra o chamado “golpe do cartão bancário”. O aviso é destinado principalmente aos idosos e às pessoas menos familiarizadas com sistemas eletrônicos de pagamento e movimentação financeira. A corporação ressalta que os bancos não solicitam senhas ou informações pessoais por correio eletrônico, aplicativos de mensagens ou telefonemas, tampouco enviam funcionários à casa dos clientes para recolher cartões magnéticos. 
O alerta ganhou reforço depois de a corporação prender duas pessoas na noite desta terça-feira (5) por estelionato. Uma senhora entrou em contato com a corporação para denunciar que estava em uma ligação telefônica com uma suposta atendente de um banco, que lhe dizia que um funcionário iria à sua casa recolher o seu cartão para uma “auditoria”, pois alguém estaria indevidamente efetuando compras em seu nome. Ela contou que já havia entregado outro cartão no dia anterior, seguindo as instruções da falsa funcionária. 
Os policiais seguiram de imediato para a casa da vítima, e conseguiram flagrar duas pessoas, de 21 e 25 anos, realizando o “serviço”. Elas foram imediatamente abordadas e presas. Com elas, havia um telefone celular, uma bucha de maconha, um dichavador e uma chave de quarto de hotel. Nesse quarto, foram encontrados o cartão da vítima, seis máquinas de cartões bancários, uma porção de maconha e um cartão telefônico tipo chip. 
A dupla relatou aos policiais militares que veio de São Paulo para Itabira “por encomenda” de um grupo paulista, recebendo apenas uma fração a cada pessoa enganada. Os dois foram presos e levados para a Delegacia de Polícia Civil com todo o material apreendido. O carro usado no crime foi guinchado para o pátio.