Desde 1984
Região
23 de Setembro de 2021
São Gonçalo do Rio Abaixo garante recursos para fortalecer economia local
Divulgação PSGRA
Equipe da Secretaria de Desenvolvimento Econômico discutem com gerentes das agências bancárias sobre Programa.

 R$2 milhões sem juros para empréstimos e financiamentos

A Prefeitura de São Gonçalo do Rio Abaixo instaurou o Conselho Municipal de Desenvolvimento Econômico que irá gerir o programa de linha de crédito para promover o maior desenvolvimento da economia local. O Programa Juros Zero que trata da concessão de subsídio financeiro para o pagamento dos juros de financiamentos obtidos pelo tomador de empréstimos ou financiamentos. 
Conforme a administração do prefeito Raimundo Nonato de Barcelos, Nozinho (PDT), essa é uma oportunidade dos microempreendedores individuais, microempresas, empresas de pequeno porte, agricultores familiares, artesãos, artistas, autônomos, profissionais liberais e vendedores ambulantes e de porta-em-porta, de terem acesso ao crédito. O objetivo é fortalecer os pequenos negócios incentivando a geração de emprego e renda, minimizando o impacto da crise econômica, provocada pela pandemia da Covid 19.
O município implantará o Programa através do Fundo de Desenvolvimento Econômico do Município de São Gonçalo do Rio Abaixo – FUNDESG, o qual arcará com os juros dos financiamentos, diretamente à instituição financeira, para os tomadores que mantiverem suas parcelas de amortização pagas até a data do vencimento.

Esperança e oportunidade

Segundo Nozinho, o Programa vai movimentar a economia do município e dará mais esperança ao empreendedor ao acreditar mais em seus negócios. “É preciso trabalhar para tornar o comércio mais forte, pois temos empreendedores vendendo produtos de muita qualidade. Meu desejo é que a cidade se torne um espaço de oportunidade e busca de desenvolvimento contínuo, sem a dependência dos altos e baixos da mineração”, ressaltou.
O vice-prefeito, Leandro Amora (PSB) comentou que como comerciante vê no Programa uma oportunidade que não aparece todos os dias. “É uma ferramenta junto aos bancos que irá alavancar os negócios de São Gonçalo. Quem está no comércio sabe que é preciso inovar sempre, portanto, quando se tem uma oportunidade de melhoria sem o pagamento de juros altos é bom aproveitar”, frisou.  
Também otimista, a secretária de Desenvolvimento Econômico, Maria Inês de Araújo Moreira destacou que o Programa é uma oportunidade para novos investimentos para o empresário, como a compra de veículos, equipamentos ou até expansão de suas atividades. “Quem enxergar a possibilidade de expandir seu empreendimento através da adesão ao Programa irá contribuir para alavancar a economia local”, destacou.  
Já o presidente da Associação Comercial, Industrial, Agropecuária e de Serviços de São Gonçalo (Aciasgra), Danilo Emanuel Macedo afirmou que o Programa é com certeza uma excelente iniciativa do governo, o comércio e empresários de modo geral passam por um momento de riscos e incertezas, principalmente devido a pandemia, então qualquer auxílio ou forma de apoio e fortalecimento são bem vindos. “Nós da Aciasgra estamos sempre em diálogo com o Governo e já nos prontificamos para também estarmos juntos no apoio ao Programa”.

Fundo Garantidor dos Pequenos Negócios

Outra proposta que visa dar mais apoio aos empreendedores da cidade é o Fundo de Aval Garantidor dos Pequenos Negócios, também vinculado à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, destinado a prover recursos para diminuir os riscos das operações de crédito contratadas, viabilizando o acesso das Microempresas, Empresas de Pequeno Porte, Pequenos Produtores Rurais e Microempreendedores Individuais às linhas de crédito.
Nesta semana, a Prefeitura irá realizar Chamamento Público das instituições financeiras para execução do programa, mediante convênio. Outra ação, será a nomeação dos membros do já instaurado, Conselho Municipal de Desenvolvimento Econômico (COMDE) que terá funções deliberativas, normativas e de fiscalização do Programa, conforme regimento interno.  Mais informações através da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, através do telefone: 3820-1928.