Desde 1984
Polícia
24 de Julho de 2021
Preso em Monlevade homem que matou e enterrou a mãe no Vale do Aço
DivulgaçãoPCMG

A Polícia Rodoviária Federal (PRF), com auxílio da Polícia Civil, prendeu nesta sexta-feira (23) em João Monlevade um homem acusado de matar e enterrar a própria mãe em Santana do Paraíso, no Vale do Aço. Vizinhos do homem denunciaram o crime à polícia local, que comprovou que a idosa, de 78 anos, estava ilegalmente enterrada no quintal do imóvel. As testemunhas também informaram que o suspeito do crime, de 48 anos, teria saído de bicicleta com uma mala em direção ao centro de Ipatinga. 
Sabendo disso, as polícias Militar e Civil dirigiram-se ao local onde o homem apontado estaria, quando  descobriram que ele estaria em um ônibus de viagem que seguia para Juiz de Fora. Com o apoio das polícias Militar e Rodoviária Federal, foi possível interceptar o veículo em Rio Casca, mas os agentes descobriram que o suspeito havia descido em João Monlevade. 
A equipe da PRF em Monlevade foi até a rodoviária e conseguiu localizar e prender o homem, que confessou o crime aos policiais civis de Ipatinga que vieram a Monlevade para recolhê-lo. Ele relatou que queria mudar-se para Juiz de Fora, mas a mãe não aceitava a sua decisão, e por isso os dois tiveram vários desentendimentos. Na última briga, ele acabou por atingi-la com um golpe de facão no pescoço. Ele foi autuado por homicídio qualificado, que pode, em caso de condenação, render pena de até 30 anos de cadeia.