Desde 1984
Região
09 de Julho de 2021
Itabira terá Centro de Radioterapia e oferecerá tratamento oncológico completo
Divulgação
Prefeito Marco Antônio, o secretário Thiago Rodrigues e provedor do HNSD, Márcio Labruna

A Prefeitura de Itabira anunciou nesta semana que o município terá um moderno centro de radioterapia e oferecerá tratamento completo contra o câncer pelo SUS. A confirmação foi feita na quarta-feira (7), pelo Ministério da Saúde, durante reunião entre o prefeito Marco Antônio Lage (PSB), o coordenador Geral de Planejamento da Secretaria de Ciência, Tecnologia, Inovação e Insumos Estratégicos em Saúde, Thiago Rodrigues Santos, e o provedor do Hospital Nossa Senhora das Dores (HNSD), Márcio Antônio Labruna. A previsão é de as obras tenham início em dezembro deste ano, com prazo de entrega estipulado em 14 meses.
O secretário Thiago Rodrigues informou que foi dada autorização para elaboração do projeto arquitetônico do centro de radioterapia. Este projeto terá de passar por aprovação da Vigilância Sanitária e da Comissão Nacional de Energia Nuclear. Depois disso, será feito o termo de referência para publicar o edital na modalidade de regime diferenciado de contratação e, finalmente, iniciar a construção do bunker e a instalação do acelerador linear. Os investimentos superam a casa dos R$10 milhões e serão feitos pelo Ministério da Saúde.
O centro de radioterapia permitirá que o município ofereça o tratamento completo contra o câncer. Atualmente, o HNSD já oferece a quimioterapia e a cirurgia oncológica. Com a radioterapia, o hospital terá um Centro de Alta Complexidade em Oncologia (Cacon). A estimativa é de que Itabira seja referência para uma região de até 500 mil habitantes. “É uma grande notícia para nossa cidade. Desde que assumimos, estamos em contato com o Ministério da Saúde para destravar o processo e ter esta confirmação. É um passo muito importante que Itabira dá na direção de se consolidar como um polo de saúde de alta complexidade. E um conforto para tantos itabiranos que hoje precisam pegar a estrada diariamente e ir até Belo Horizonte para fazer a radioterapia. Muito em breve todos poderão fazer o tratamento perto de casa, o que, certamente, contribuirá para o sucesso desse tratamento”, disse o prefeito Marco Antônio Lage.
Já o provedor do HNSD, Márcio Labruna, exaltou o trabalho do corpo técnico do hospital e a parceria com a Prefeitura. Segundo ele, a confirmação da radioterapia “é apenas o primeiro de vários projetos que serão desenvolvidos no sentido de tornar Itabira referência em Saúde”. “Estamos para que o Hospital Nossa Senhora das Dores, um hospital regional, de alta complexidade, possa abraçar todas as necessidades do povo da região, no sentido de melhorar a vida de todos eles, salvar vidas e criar um ambiente melhor, que atraia investimentos para que a gente promova a independência econômica do nosso município”, afirmou.
O bunker da radioterapia será construído na área externa do HNSD, onde atualmente há um galpão usado como auditório do hospital. A área tem cerca de 1,6 mil metros quadrados.