Desde 1984
Polícia
18 de Junho de 2021
Jaguatirica atropelada é enviada para UFV

Uma jaguatirica foi atropelada no início desta semana no trecho de João Monlevade da BR-381. De acordo com a Polícia Militar do Meio Ambiente (PMAmb), o animal era um macho, da espécie 'Leopardus pardalis', tinha cerca de 12,5 quilos e foi encontrado nas proximidades do bairro ABM. 
As jaguatiricas, diz a PM ambiental, são comuns na região, muito por conta das extensas áreas de mata e da disponibilidade de água. Este já é o quarto atropelamento com morte de um felino de grande porte na região em menos de um ano, conforme o Tenente Flávio, da PMAmb. 
Após ser recolhido, o corpo da jaguatirica foi entregue na terça-feira (15) para a Universidade Federal de Viçosa (UFV). Segundo Pollyana Alves de Barros, doutoranda do programa de pós-graduação em Biologia Animal e do Museu de Zoologia João Moojen, da universidade, o animal sofreu alguns ferimentos na cabeça. 
Segundo a especialista, esses felinos são geralmente ariscos, de difícil encontro com o homem, e não costumam atacar rebanhos. Como as jaguatiricas e, principalmente, as onças precisam de largos espaços para sobreviverem, o desmatamento acaba por levá-las a procurar áreas urbanas e rodovias.
  Em caso de atropelamento ou qualquer incidente com animais silvestres, a Polícia Militar do Meio Ambiente deve ser acionada, via 190.