Desde 1984
Editorial
08 de Janeiro de 2021
Esforço coletivo contra a Covid

A união dos prefeitos da região para combater a pandemia da Covid 19 dá ânimo e esperanças para conter o vírus no Médio Piracicaba. Tirando Itabira que tem dois hospitais e João Monlevade, com a excelência do Margarida, as demais cidades têm casas de saúde modestas. Os prefeitos, após posse na Associação dos Municípios da Microrregião do Médio Rio Piracicaba (Amepi), decidiram juntar forças para minimizar a crise mais séria de saúde pública dos últimos anos. 

Os municípios vão tomar decisões conjuntas e um protocolo de ações e medidas comuns a todos deve ser acatado, a partir dos consórcios de saúde que contemplam as cidades no Médio Piracicaba. A união de esforços já deveria ter sido realizada desde o início da pandemia, em março de 2020. Faltou liderança e vontade de fazer a diferença para salvar vidas. Mas, diz o dito popular, antes tarde do que mais tarde.

Agora, as cidades caminham para definir ações semelhantes. Afinal, se considerarmos as distâncias entre os municípios, alguns são praticamente, bairros uns dos outros. Portanto, não adianta fechar o comércio em uma cidade, que a população, certamente, vai aglomerar naquela que estiver aberta. 

Claro que as medidas políticas são importantes. Mas o que vai minimizar os impactos da Covid é a consciência de cada cidadão. Não adianta penalizar o comércio, que tanto já sofreu, se o povo não for conscientizado do seu papel. As cidades devem informar, relembrar e repetir sempre que manter o distanciamento social, lavar as mãos, usar máscaras e álcool em gel salva vidas. 

Os prefeitos acertaram ao unificar o diálogo e o debate, a partir da liderança da Amepi. E que cada chefe do Executivo desenvolva ações para minimizar os casos da Covid que já matou mais de uma centena de pessoas. Agora, é hora de descer do palanque e arregaçar as mangas, trabalhando duro para reduzir o número de casos. É preciso uma campanha pesada, sensibilizando a todos que cada um é responsável por sua vida e pela do próximo. É uma questão de bom senso e de princípios como empatia, respeito e solidariedade.