Você está em Opinião / COXIA /
Coxia
19 de janeiro de 2018
Coxia 2369
Brasília

Na última quarta-feira (17), o deputado estadual Nozinho (PDT) e comitiva das associações comerciais do Médio Piracicaba foram recebidos pelo presidente da República, Michel Temer (PMDB), em Brasília. Na pauta, reivindicações sobre o cronograma das obras de duplicação da BR-381. Nozinho e comitiva foram cobrar mais agilidade nos trabalhos, pois os atrasos têm causado constantes congestionamentos no trecho entre Belo Horizonte e João Monlevade. Ótima iniciativa. Parado é que não se pode ficar.

Febre amarela I

A febre amarela vem gerando preocupação e alerta em todo o Brasil, mais principalmente nos estados de Minas Gerais e São Paulo. Na região do Médio Piracicaba não é diferente e as autoridades de saúde estão se empenhando, pois casos confirmados da doença, outros suspeitos e macacos mortos foram encontrados na região. A vacinação é muito importante e todo cuidado é pouco.

Febre amarela II

Em João Monlevade, a Prefeitura, através de sua Assessoria de Comunicação, afirmou que não há casos suspeitos e que há vacinas em todos os postos para a população, que não precisa se apavorar. Uma boa notícia em meio a um período tenso, propício para surtos de vários doenças.

Descanso

A Secretaria Municipal de Educação de João Monlevade informou nesta semana que as escolas da rede municipal de ensino vão seguir, em 2018, o calendário das escolas estaduais. Sendo assim, as aulas vão começar só depois do Carnaval, no dia 19 de fevereiro. Que descanso

Praça

As mudanças realizadas pela Prefeitura de João Monlevade nas imediações da praça Domingos Silvério Sobrinho, em Carneirinhos, continuam gerando reclamações e polêmica. A principal delas diz respeito à retirada do ponto de ônibus do local, para a revitalização da praça, já que, além de ter sido afastado da praça, está sem assento e abrigo. Pelo visto, as adequações virão só depois de mudanças no trânsito do trecho. E até lá, mais polêmicas à vista.

Acordo

Em assembleia realizada na última terça-feira (16), os trabalhadores da ArcelorMittal Monlevade aprovaram a proposta de reajuste salarial da empresa, de 1,63%, com abono de R$700,00. Para quem chegou a reivindicar um reajuste de 6% e abono de R$3.000,00 no início das negociações, a aprovação assusta. Em tempos de crise, vale o velho ditado: “mais vale um passarinho na mão do que dois voando”.

O dia do Não

A ex vice-prefeita Conceição Winter deu um “não” ao convite do governo de Simone Carvalho (PSDB) para assumir a Secretaria de Trabalho Social. Muito polida e educada, Conceição alegou estar empenhada em organizar seu partido, o PPS, para as próximas eleições, além de ter de ouvir seu grupo político, o que faz com que ela não possa assumir tal compromisso no momento. Mas não é não. E nesse caso, os princípios políticos falaram mais alto que a vaidade ou interesses pessoais.

LEIA TAMBÉM
 
Publicidade
Publicidade
31 3851-1791
Av. Rodrigues Alves, nº 78, República
João Monlevade/MG
NOTÍCIAS
OPINIÃO
OPINIÃO
SOCIAIS