Desde 1984
Coxia
10 de maio de 2019
Coxia 2499
Carta na manga

O presidente do PSDB em Monlevade, Teófilo Torres, declarou que acha possível o ex-prefeito Carlos Moreira estar apto a concorrer às eleições do ano que vem. Seria ele o “nome na manga”, caso a prefeita Simone Carvalho desista de tentar a reeleição? Postura de chefe ele nunca perdeu. Na semana passada, durante lançamento do Programa Remédio em casa, chamou a atenção dos secretários e agentes ausentes e ainda criticou a oposição. É o ditado: quem foi rei, nunca perde a majestade...

Articulação

Experiente articulador, Carlos Moreira disse que, devido às mudanças no formato das eleições proporcionais do próximo ano, com o fim das coligações, o grupo político do qual faz parte vai fortalecer os partidos PTB, PSDB, PMDB e PP. Dessa forma, ele sinaliza que os vereadores atuais e demais aspirantes ao cargo precisarão se ajustar nessas legendas.

Destempero

O líder do governo na Câmara e um dos maiores discípulos de Mauri Torres, Sinval Dias, tem ficado cada dia mais distante de seu tutor, com suas agressivas reações no plenário. Enquanto Mauri, em mais de 30 anos de vida pública nunca levantou o tom de voz e não tem um registro sequer de brigas, Sinval abusa do descontrole emocional e protagoniza cenas lamentáveis no plenário.

Baixaria

A Câmara, que é a casa do povo, precisa dar-se mais ao respeito e evitar situações vexamosas e que fogem ao debate limpo e de qualidade, à altura do que João Monlevade merece. É preciso elevar o debate, inclusive das proposições, com ideias para melhorar a vida do cidadão monlevadense. O presidente recém empossado precisa tomar uma decisão, mudar a postura e retomar o controle das reuniões para moralizar o Legislativo.

Saúde

Será que a comissão montada pelo governo Simone há mais de 60 dias, já apontou alguma solução para a área, a fim de melhorá-la? Resta lembrar que o grupo de fiscais foi formado sem conhecimento da secretária da pasta, Andrea Peixoto. Com mais de 300 casos suspeitos de dengue na cidade, seria prudente que o grupo, em conjunto com a secretaria, se unisse me busca de soluções para o problema.

PLR

Apesar da ArcelorMittal não divulgar os valores pagos pela Participação de Lucros e Resultados (PLR), a expectativa é de que muito dinheiro chegue à praça, já que a Usina tem quase mil funcionários e o valor mínimo a ser recebido será de R$2.250.

Comércio

Falando nisso, a CDL vê com bons olhos o recebimento dos recursos e torce por uma movimentação no comércio, que está com horário diferenciado para o Dia das Mães. A data, segundo a entidade, é a segunda melhor do ano para vendas.

Paralisação

A nova paralisação da Mina de Brucutu, determinada pela justiça, provoca um prejuízo diário de R$230 mil para os cofres públicos da Prefeitura de São Gonçalo do Rio Abaixo. O prefeito Antônio Carlos Noronha Bicalho (PDT) também fala em tomar medidas judiciais para reverter a situação. A suspensão das atividades é um banho de água fria em toda a região, um dos mais importantes polos mineradores do estado de Minas Gerais.

Campo do Guarani

Moradores do bairro de Lourdes e integrantes do Clube Guarani entraram em contato com o jornal A Notícia nessa semana, reclamando mais uma vez da situação que envolve o campo de futebol do bairro. Segundo eles, o campo recebeu limpeza e manutenção para servir de estacionamento em um grande show realizado recentemente no Parque do Areão.

Abandono

Até aí tudo bem, a questão levantada pela comunidade do bairro é que o campo recebe a devida manutenção só quando há eventos no Parque e o espaço é utilizado como estacionamento, fora isso, está sempre repleto de mato, sujeira e não pode ser utilizado pelos jovens para a prática de futebol, que é sua principal função. Recado dado.