Coxia
5 de abril de 2019

Coxia 2489

Livros
O Centro Educacional de João Monlevade e a livraria República Literária promovem, em parceria, mais uma campanha de incentivo e valorização à leitura na cidade, dessa vez, em prol dos alunos da escola, que completa 48 anos nesta sexta-feira (5). A livraria é parceira na Campanha Literária "Doe Livro - Doe Luz", que objetiva arrecadar livros a serem doados para a Biblioteca do Centro Educacional. Os livros devem ser entregues até hoje na República Literária, situada na rua Luiz Prandini, nº 38, ao lado do Sacola Cheia. Ótima iniciativa.

Água limpa
O vereador Tonhão denunciou que a água fornecida pela ArcelorMittal a moradores do bairro Santa Cruz estava suja e muito turva. Ele colocou a água em uma garrafa. A empresa enviou, no dia seguinte, uma equipe para verificar o ocorrido, na residência onde o vereador coletou a água e constatou a limpeza e normalidade do líquido. Pelo visto, problema corriqueiro já resolvido.

Água na praça
Um leitor do A Notícia ligou para a redação do jornal na tarde da última terça-feira (2) demonstrando bastante irritação com um funcionário da Prefeitura que, segundo ele, ao lavar a Praça Sete utilizando a mangueira de um caminhão-pipa, não pediu licença aos populares que ali estavam e molhou vários deles, entre eles, o autor da reclamação. De acordo com seu desabafo, as pessoas que estavam na praça foram desrespeitadas e ele teve os pés molhados pela ação do servidor. Um pouco de cordialidade, educação e tato não fazem mal a ninguém, principalmente no funcionalismo público. Olha a capacitação, gente

Educativa
A Rádio Global FM é uma emissora educativa, mantida pela Fundação Germin Loureiro. Sua grade deve contemplar, por isso, programação cultural e educativa. Pergunta que não quer calar: a programação da rádio terá esse teor? Sem falar, que a emissora não pode veicular publicidades, apenas apoio cultural. Como as Fundações são fiscalizadas pelo Ministério Público, o órgão deve estar os ouvidos bem atentos...

Dengue
A Visa de João Monlevade informou que a cidade registrou um óbito, em decorrência da dengue, além de oito casos positivos da doença e um de chikungunya, entre janeiro e março deste ano. Parece batido, mas não é, todo cuidado é pouco e todos devem fazer sua parte para evitar a proliferação do mosquito Aedes Aegypit. Não se brinca com a dengue.

Guarani
Mais um espaço esportivo de João Monlevade pede socorro. Dessa vez, trata-se do campo do Guarani, no bairro de Lourdes. A direção do clube reivindica parcerias para que o espaço, que já foi palco de grandes jogos, seja revitalizado e não deixe de ser uma opção de esporte e lazer para a comunidade. A situação do local é precária, com muito mato e com os vestiários destruídos. Algo precisa ser feito para evitar que mais um campo de futebol da cidade se transforme em um retrato na parede.

Troca
Mudanças na Secretaria Municipal de Assistência Social de João Monlevade nesta semana pegaram muitos de surpresa. A ex-chefe da pasta, Nádia Guimarães, indicada pela ex-vereadora Dorinha Machado, deu lugar à assistente social efetiva Ana Angélica Prandini, irmã do ex-prefeito Gustavo Prandini.

Bastidores
Rumores dão conta de que a mudança seria uma forma do governo se distanciar da ex-vereadora e ex-secretária da pasta, Dorinha Machado, em virtude do seu marido, o empresário Machadão, ter declarado intenções de ser pré-candidato a prefeito da cidade, mesmo sem o apoio do grupo do governo. Há ainda a questão da nova secretária ser irmã do ex-prefeito Gustavo Prandini, o que também gera especulações de uma possível aproximação. São as voltas que a política dá e nessa seara acontece de tudo. Resta esperar para ver o desfecho de mais esse capítulo político.

Teatro
O grupo teatral Evangelho Vivo apresenta a encenação da Paixão de Cristo, no próximo dia 19, às 17h, na comunidade Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, no bairro Loanda. Crianças, jovens e adultos ensaiam há 6 meses e se preparam para o trabalho de evangelização, segundo os coordenadores. Vale a pena prestigiar.