Desde 1984
Região
11 de Fevereiro de 2021
Prefeito de Itabira anuncia início da vacinação de idosos para depois do carnaval
Idosos de Itabira devem começar as ser vacinados após o carnaval. A informação é do prefeito Marco Antônio Lages (PSB). Por enquanto, a Prefeitura está organizando uma escala de imunização dos profissionais da saúde que trabalham no município. A estrutura para o drive-thru funcionará de de hoje (11) até sábado (13), no estacionamento da Fundação Comunitária de Ensino Superior de Itabira (Funcesi). Entretanto, é necessário observar alguns critérios para que o imunizante seja recebido.

Hoje (11) e amanhã (12), o drive-thru acontecerá das 9h às 16h30 e vai atender somente profissionais da saúde acima de 45 anos das clínicas/ consultórios médicos, odontológicos e de fisioterapia diretamente envolvidos no atendimento de casos suspeitos e confirmados de Covid-19. É necessário levar número de inscrição no Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES), CPF, documento de registro no respectivo Conselho e caneta para assinar o comprovante de recebimento da vacina.

No sábado (13), o drive-thru ocorrerá das 9h às 12h e vai abranger apenas trabalhadores dos laboratórios de análises clínicas, clínicas de diagnóstico por imagem e farmacêuticos que coletam material e/ou fazem o teste da Covid-19. Serão exigidos no momento da vacinação o CPF e documento de registro no respectivo Conselho (se for o caso). Também é necessário levar caneta. Não haverá restrição quanto à idade: entretanto, a listagem dos profissionais aptos à vacinação precisa ser protocolada no gabinete da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) até as 16h desta quarta-feira (10). No ofício, devem constar os nomes dos trabalhadores, data de nascimento, CPF e função exercida.

A SMS ressalta: não serão incluídos nesta remessa trabalhadores dos setores administrativos, recursos humanos, call center, faturamento, entre outros. O cronograma segue o Programa Nacional de Imunização (PNI), que definiu os grupos prioritários conforme critérios de exposição à infecção e de maiores riscos para agravamento e óbito pela doença. O telefone para esclarecimento de dúvidas é 3839-2608 (setor de Imunização), 3839-2649 e 3839-2289.