Desde 1984
Geral
30 de Outubro de 2020
Advogado denuncia Moreira ao MP
Reprodução
Carlos Moreira está com os direitos cassados e segundo advogado não poderia participar das campanhas
O advogado Gleidson Caetano denunciou o ex-prefeito Carlos Moreira à Justiça Eleitoral. Ele alega que, por estar com os direitos políticos cassados, o marido da prefeita não poderia participar do processo eleitoral. O advogado se baseia no artigo 337, da Lei 4.737, que fala que: “Participar, o estrangeiro ou brasileiro que não estiver no gôzo dos seus direitos políticos, de atividades partidárias inclusive comícios e atos de propaganda em recintos fechados ou abertos: Pena - detenção até seis meses e pagamento de 90 a 120 dias-multa”. Caetano alega ainda, que Moreira ultrapassa o papel de cidadão no processo eleitoral, agindo como principal cabo eleitoral da prefeita, inclusive, com papel de destaque em material de campanha, programa de rádio e lives da candidata à reeleição.