Desde 1984
Geral
16 de Outubro de 2020
Críticas veladas, forró e conversas: a primeira semana da campanha no rádio
A propaganda eleitoral no rádio começou na última sexta-feira (9), e já mostra troca de farpas e indiretas. Na faixa reservada à coligação “A Força que Vem do Povo”, o ex-prefeito Carlos Moreira advertiu os eleitores contra a vinda de “forasteiros”. Já a coligação “Muda Monlevade” apontou para incongruências no passado dos candidatos a prefeito e a vice-prefeito das outras coligações, sem citar nomes.

As outras duas coligações, “Juntos por Monlevade” e “Para Fazer Diferente” apostaram em jingles no estilo forró para conquistar a mente do eleitor. A “Juntos por Monlevade” enfatizou a experiência do cabeça-de-chapa, Láercio Ribeiro (PT), prefeito entre 1997 e 2000. Já a coligação “Para Fazer Diferente” preferiu transmitir uma conversa entre seu candidato, Railton Franklin (PDT), e dois apresentadores, além da sonora de um personagem caipira indicando o voto.

A coligação “A Força que Vem do Povo” utiliza a tática de reafirmar a necessidade da permanência da atual prefeita, Simone Carvalho (PTB), além de assinalar a união com a ex-vice-prefeita Conceição Winter, que citou a reaproximação como um desejo da mãe e introduziu no discurso o marido, o ex-deputado estadual Antônio Roberto Lopes. O marido da prefeita, Carlos Moreira, critica que “se a oposição vencer, Monlevade ficará cheia de forasteiros”.

Quem também deu destaque à candidata a vice foi a coligação “Muda Monlevade”: Andréia de Brito, oriunda da região do Cruzeiro Celeste e sobrinha do empresário José Ricardo de Brito, tem experiência na área de recursos humanos. Candidato a prefeito na chapa, Delci Couto aproveitou seus 67 segundos para dissertar sobre o abastecimento de água e o esgotamento sanitário em Monlevade. Ele também falou sobre cobertura do ESF em toda a cidade e reforçou o mantra de cortar o salário do prefeito pela metade.

Desde sábado (10), o partido Patriota ainda não transmitiu programa durante os seus 24 segundos de direito. O horário eleitoral gratuito é transmitido pelas quatro estações de rádio concessionadas em João Monlevade (a geradora Alternativa 1, Líder, Comunicativa e Global) em dois blocos diários de dez minutos, começando às 7h e às 12 horas.