Desde 1984
Geral
14 de Setembro de 2020
PSL abandona Delci e abraça Railton
O pré-candidato do PSB à Prefeitura de João Monlevade, Delci Couto, sofreu duro golpe no sábado (12). O partido com acordo de aliança (PSL), que viria com o nome de Werton Santos como pré-candidato a vice, sucumbiu em negociações de bastidores e, através de seu presidente, Marcos Braga (conhecido como Carioca), resolveu, intempestivamente, mudar de lado, romper o acordo e apoiar outro candidato.

Delci Couto foi surpreendido com a mudança e se diz impressionado com o que considera a pior prática da política que o eleitor tanto combate e reclama. “É preciso acabar com este mercantilismo de siglas que tira o crédito da política”, disse Delci, afirmando que vai pensar 24h horas sobre os últimos acontecimentos.

Ele disse que não entrou na política para este tipo de negociação e acreditou na capacidade e compromisso do Werton para oferecer a Monlevade uma política diferente e de resultados prioritários e efetivos para a população. “Se depender desta prática política arcaica e desonesta, prefiro ficar de fora. Vencer ou perder a disputa eleitoral é o de menor importância. Sou candidato porque devo muito a Monlevade e tenho obrigação de colocar meu nome e minha experiência à disposição do município. Cabe à população decidir se minha proposta de trabalho merece ou não o voto de cada eleitor, mas jogadas políticas manjadas e de interesse de grupos não me atrai. Tenho história de cidadania, família e nome para honrar. Vou pensar se mantenho meu nome na disputa ou tomo outra decisão”, concluiu declaradamente decepcionado o pré-candidato.