Desde 1984
Geral
12 de Setembro de 2020
Comissão do PSL vira caso de polícia e convenção de Delci é adiada
As convenções dos partidos alinhados à candidatura de Delci Couto e Werton Santos estão adiadas. Marcados para este sábado (12), os encontros foram adiados por conta de problemas na comissão provisória do Partido Social Liberal (PSL), do pré-candidato a vice-prefeito Werton Santos.

Segundo Jean Oliveira, coordenador da pré-campanha de Werton, a comissão provisória da legenda foi destituída, à exceção do presidente, Marcos Braga, da esposa e de um cunhado, sem a anuência da executiva estadual e de outras lideranças do PSL. Sem saber o futuro da agremiação em João Monlevade, membros da pré-campanha registraram um boletim de ocorrência junto à Polícia Militar para esclarecer os fatos e decidir o que será feito.

Por conta do imbróglio, as convenções do Partido Socialista Brasileiro (PSB), ao qual Delci é filiado, do Partido da Mobilização Nacional (PMN), do Partido Republicano da Ordem Social (Pros) e do próprio PSL não foram realizadas. Os encontros, que seriam oficiados em uma sala comercial em Carneirinhos, já estavam com as portas abertas para receber os integrantes, mas acabaram sendo cancelados.

Segundo Delci Couto, as quatro legendas farão suas convenções no último dia permitido por lei. Ele garante que sua candidatura, apoiada pela coligação “Muda Monlevade”, será mantida. O A Notícia questionou Marcos Braga se ele de fato destituiu a comissão provisória,o que ele negou. Segundo ele, a convenção do partido será na quarta-feira (16), às 9 horas, na Câmara Municipal.