Desde 1984
Geral
01 de Abril de 2020
'Meu tio tinha enfisema pulmonar'
Reprodução
Conforme protocolo do Ministério da Saúde, amostras seguiram para análises
Sobrinha do senhor que faleceu com suspeita de coronavirus relata histórico de problemas respiratórios

Uma sobrinha do senhor de 81 anos, que faleceu com suspeita de coronavirus em João Monlevade, entrou em contato com o Jornal A Notícia e relatou histórico de problemas respiratórios dele. A pedido da mulher, será preservada a identidade dela e do tio, para não expor a família, que está em sofrimento.

Segundo ela, o tio tinha graves problemas respiratórios há anos e que poderia falecer em decorrência deles a qualquer momento. 'Meu tio tinha enfisema pulmonar. Lamento que a partida dele tenha ocorrido neste momento de pandemia mundial', disse.

Ela mora na Itália e desmentiu boatos espalhados em redes sociais, de que o tio tenha morrido após ter contato com parentes que vieram daquele país. 'Há exatamente um ano, não vou a Monlevade, onde nasci e fui criada e onde vive minha família. Meu contato é virtual e por telefone. Estão espalhando mentiras que são tristes e falta de respeito com minha família', afirmou.

Ela disse que não está impedida de voltar ao Brasil, mas por uma questão de bom senso, evita viajar neste momento grave pelo qual a Itália está passando, o Brasil e o mundo. 'Quando passar, volto para visitar meus familiares e rever a minha cidade', disse. Ainda não há casos da doença confirmados em Monlevade e número total de suspeitos chega a 158, nesta quarta-feira (1).

Ainda 28 pessoas aguardam resultado de exames. Dois casos suspeitos foram descartados e um óbito está em investigação.