Desde 1984
Geral
23 de Março de 2020
Vacinação contra a gripe: Após críticas, Prefeitura divulga ações para minimizar filas
Reprodução
Após ser duramente criticada nas redes sociais pela aglomeração de idosos no prédio da Policlínica em busca de vacinas, a Prefeitura de João Monlevade, após questionamentos do A Notícia, respondeu que vai adotar medidas a partir de amanhã (24).

O assessor de Comunicação, Will Jony Gomes Nogueira, informou ao Jornal que, para minimizar as aglomerações em filas, haverá vacinação em sistema 'drive thru”, em dois pontos da cidade: em frente ao Centro Educacional de João Monlevade (CEJM) e em frente aos prédios da Assistência Social, em Carneirinhos.

A vacinação também continua de casa em casa, começando pelos bairros Santa Cruz e Cachoeirinha. Ainda segundo o assessor, também será ampliado o serviço na região do Cruzeiro Celeste, passando a se vacinar também no prédio do CRAS e do Centro Comunitário do bairro. “Tudo isso começa nesta semana, lembrando que não há motivo para pânico ou correria, pois a campanha vai até o mês de maio”, disse o assessor.

Logo pela manhã desta segunda-feira (23), primeiro dia da campanha de vacinação, dezenas de idosos se deslocaram para a sede da Policlínica, no bairro Belmonte, em busca de vacina contra a gripe. A Prefeitura foi muito criticada, nas redes sociais, por incentivar os idosos a saírem de casa, justamente, quando a própria administração pede às pessoas para ficar em casa, diante da pandemia do coronavirus. Os vereadores Guilherme Nasser (sem partido) e Lelê do Fraga (PTB) apresentaram sugestões e algumas foram acatadas pela administração a partir de amanhã. Nasser, inclusive, escreveu um “Manifesto à Saúde”.

Segundo a Prefeitura, a prioridade neste momento, são pessoas acima dos 60 anos e profissionais da área de saúde que devem ser imunizados.