Região
2 de agosto de 2018

Temporal repentino assusta e causa estragos em Alvinópolis

Reprodução Internet

A cidade vizinha de Alvinópolis sofreu muitos estragos após uma tempestade repentina na noite desta quarta-feira (1). O temporal acompanhado de granizo e fortes ventos, assustou moradores pela força e intensidade, durou cerca de 15 minutos. No entanto, foi o suficiente para destelhar casas, derrubar postes e deixar parte da cidade sem energia elétrica, internet e telefone, até mesmo na manhã desta, quinta-feira (2). Moradores disseram que parte da cidade ficou ilhada, sem comunicação e energia, até mesmo, no momento da publicação desta matéria.
As bocas de lobo da cidade não comportaram o grande volume de água o que inundou as principais ruas e avenidas. Equipes da Defesa Civil, prefeitura e de outros órgãos percorreram os bairros avaliando a situação, o número de casas e outros imóveis danificados. Também está sendo verificado se há pessoas desalojadas ou desabrigadas. Até a publicação desta matéria, não havia registro de feridos ou desaparecidos.
Moradores relataram que tiveram a sensação de estarem em meio a um tornado. A Praça São Sebastião, conhecida como baixada, ficou debaixo de lama. Segundo o comerciante Rubens Pereira, coberturas metálicas ficaram retorcidas e casas perderam telhas. “Parecia um tufão, arrancando telhas, folhas das palmeiras. Um transformador caiu e a estrutura do parque de exposições também ficou comprometida”, disse. "Foi um vendaval horroroso com muito granizo. As folhas das palmeiras da Praça do Gaspar voaram para as ruas laterais e para os telhados das casa da Praça. Muito estrago nas telhas", relatou a professora aposentada Marina Carvalho.