Geral
11 de maio de 2018

O Líder que transform: O Coaching para o desenvolvimento nas empresas

Claudemir Azevedo
Isabela Dornelas trabalha como coach de realização pessoal e profissional

A velocidade da mudança está aumentando em um ritmo nunca vivenciado antes. Você pode mudar a tecnologia com facilidade e os processos rapidamente, mas você não pode mudar e desenvolver pessoas em um piscar de olhos. O desafio dos dias de hoje é, principalmente, a respeito de como mudar mentes, pensamentos e comportamentos.
São as pessoas que desenvolvem ideias, que vendem produtos, que criam relacionamentos, e geram lucratividade. São os colaboradores e líderes que abrangem mudanças que irão controlar a cultura organizacional em volta deles. Entende que o comportamento do líder precisa, em sua essência, promover transformações positivas na vida de seus liderados, tal como na aceleração dos resultados da organização.
Um líder transformador entende que o foco em sua gestão é despertar em sua equipe, o poder que cada um que a compõe tem. Essa transformação atinge todos os aspectos da vida do liderado, não apenas os relacionados às práticas organizacionais. Antes de mais nada, o líder é transformador de vidas, aí é que entra a perspectiva do coaching, pois com o uso dessa tão poderosa ferramenta, conseguirá ter êxito em sua liderança.
O coaching aplicado à liderança otimiza a capacidade transformadora que uma boa liderança precisa ter, pois o processo de coaching em si é provocador, no intuito de gerar reflexões que levam o liderado a chegar em seus próprios resultados e descobertas, mas, antes de tudo, o líder precisará percorrer esse caminho de descoberta e do encontro consigo. Dentro das organizações, o coaching atua junto à liderança nas seguintes situações:
- Mudanças Organizacionais
- Baixa qualidade na comunicação
- Equipe e colaboradores desmotivados
- Falta de objetividade, compromisso, metas, objetivos e foco
- Liderança ineficaz e falha na condução de pessoas
- Stress, desequilíbrio emocional, comportamentos inadequados
- Falta de harmonia nos relacionamentos internos e conflitos entre pessoas e equipes
- Comprometimento baixo e falho com resultados e metas.
O papel do líder é ajudar seu liderado a abrir os olhos para aquilo que provocará a transformação em sua vida, e o melhor caminho para isso é o coaching.