Policia
5 de janeiro de 2018

Polícia Militar prendeu cerca de 600 traficantes em 218 ocorrências

Erivelton Braz
Major André Pedrosa, Tenente Coronel Barcelos e Capitão Felipe

Policiais da 17ª Companhia Independente da Polícia Militar, com sede em João Monlevade, prenderam em 2017, cerca de 600 traficantes na região. Ao longo do ano, foram registradas 218 ocorrências de combate ao tráfico de drogas nas 10 cidades sob responsabilidade da Companhia Independente. Segundo o major André Pedrosa, muitas dessas ações tiveram êxito, a partir das denúncias da comunidade que é parceira da Polícia Militar. O número corresponde a um aumento de 60% nas prisões, em relação a 2016.
De acordo com o major, a maior parte das ocorrências foi registrada em João Monlevade. Ele informou que o tráfico de drogas na cidade é pulverizado em diversos bairros e que a Cia Independente está atenta. “Os traficantes migram ao perceber que a polícia está monitorando, mas nós estamos atentos”, afirmou. Ele também disse que a Polícia se empenhou muito em ações estratégicas, usando serviços de inteligência e trabalhando com foco para minimizar a venda de entorpecentes.

Armas


Em 2017, a Polícia também apreendeu 160 armas nas cidades da região, o que, segundo a PM, representa um aumento de 30% em relação ao ano anterior. “Com menos armas, acreditamos na redução da violência e na tranquilidade da população”, disse o major. A polícia informou que, nas duas últimas semanas do ano, foram poucas ocorrências registradas em João Monlevade. De acordo com balanço realizado, do dia 24 de dezembro até o dia 31, foram apenas cinco ocorrências de roubos diversos, um homem preso por tráfico de drogas, dois por uso de entorpecentes, três por Mandados de Prisão em aberto, além de um veículo produto de roubo recuperado.