Geral
7 de dezembro de 2017

ArcelorMittal faz nova proposta de reajuste para Acordo Coletivo

Arquivo JAN
Negociações do Acordo Coletivo da Usina de Monlevade continuam

Em reunião realizada na manhã de hoje (7) entre a ArcelorMittal Monlevade e o Sindicato dos Metalúrgicos (Sindmon-Metal), a gerência da empresa apresentou nova proposta para o Acordo Coletivo 2017/2018, de 1,63% de reajuste salarial retroativo a outubro e abono de R$350,00.
De acordo com informações do Sindmon-Metal, publicadas em seu site oficial, na ocasião, a siderúrgica descartou atender a reivindicação de cesta básica da entidade e insistiu na adesão ao banco de horas. A empresa também solicitou que sua contraproposta fosse levada à assembleia.
O Sindicato informou que avaliará os dados econômicos da Usina de Monlevade, fornecidos pela gerência, para tomar as devidas decisões. Uma nova reunião será agendada entre as partes.