Desde 1984
Brasil e Mundo
9 de julho de 2019
Morre Fernando de la Rúa, ex-presidente da Argentina
Reprodução/Maurício Brindicci/Reuters
De la Rúa governou a Argentina entre 1999 e 2001
G1 - O ex-presidente argentino Fernando de la Rúa, de 81 anos, morreu nesta terça-feira (9), em um hospital na cidade de Escobar, na província de Buenos Aires, de acordo com a imprensa local. Ele tinha sido hospitalizado em estado grave na segunda-feira (8) com problemas cardíaco e renal. De la Rúa foi visto em público pela última vez em um jantar em dezembro do ano passado.

Filiado à União Cívica Radical (UCR), De la Rúa teve uma longa carreira política. Foi deputado, senador e prefeito da Cidade Autônoma de Buenos Aires. O ponto mais alto da trajetória na vida pública veio em 1999, quando foi eleito presidente do país e sucedeu Carlos Menem para um mandato de quatro anos. Era uma alternativa aos peronistas do Partido Justicialista, que comandaram a Argentina durante toda a década de 1990.

No entanto, no fim de 2001, tendo que lidar com uma das maiores crises da história do país, De la Rúa decidiu renunciar ao cargo. Na época, a imagem do agora ex-presidente deixando a Casa Rosada de helicóptero percorreu o mundo. Com sua renúncia, a Argentina teve cinco presidentes em dez dias, o que abriu a porta para a volta do peronismo com Néstor e Cristina Kirchner.