Policia
7 de junho de 2019

Drogas ameaçam menores em Monlevade

Ilustrativa

As drogas são a maior ameaça às crianças e adolescentes de João Monlevade. Segundo o Conselho Tutelar, mais da metade das ocorrências envolvendo menores na cidade está relacionada ao consumo e ao tráfico de entorpecentes.
Individualmente, o crime mais registrado na cidade em 2018 contra menores foi o de negligência, isso é, falta de cuidados adequados, com 60 ocorrências. No ano passado, foram 23 registros de maus-tratos contra crianças e adolescentes, sendo 14 agressões físicas, 14 casos de abandono, oito suspeitas de abuso sexual e dois registros de trabalho infantil, ambos envolvendo o tráfico de drogas em João Monlevade.
Os casos chegam ao Conselho Tutelar de diversas maneiras, encaminhados por delegacias, Unidades Básicas de Saúde (UBS) ou até escolas. Isso acontece quando há abandono ou violência por parte de familiares. Algumas famílias também buscam o órgão por iniciativa própria, em busca de seus direitos, com demandas em educação, saúde ou até conflitos como disputa pela guarda dos filhos.

Reclamações

A defesa das crianças e adolescentes é feita pelo Conselho Tutelar, que em João Monlevade funciona na rua 32, no bairro Areia Preta. Cinco conselheiros estão 24 horas por dia à disposição para atender aos chamados de crimes envolvendo crianças e adolescentes.
Com atribuições previstas no artigo 136 do ECA, o conselheiro tutelar atende crianças e adolescentes diante de situações de violação de direitos. Também é papel do conselheiro atender e aconselhar os pais ou responsáveis dessas crianças e adolescentes. A partir do atendimento, o profissional aplica medidas de proteção.
No entanto, eles também lamentam a falta de atenção e reclamam das condições de trabalho. A chefe do conselho, Márcia Penido, explica que os membros recebem apenas um salário mínimo e benefícios, mas devem estar dia e noite à disposição da entidade e não podem ter qualquer outro vínculo empregatício.
As inscrições para futuros membros do Conselho Tutelar foram encerradas na semana passada, e as eleições acontecem no dia 6 de outubro. Qualquer eleitor alistado em João Monlevade pode participar do processo.