Brasil e Mundo
25 de março de 2019

Morre em Santa Maria de Itabira a Tia Eliana, fundadora da rede de lanchonetes que leva o seu nome

Reprodução

Da DE FATO ONLINE

O velório acontece em sua residência, no Centro de Santa Maria de Itabira. O sepultamento será realizado às 17h, no cemitério da cidade


Morreu na manhã desta segunda-feira, 25, aos 84 anos, Eliana Bretas de Assis, uma das fundadoras da rede de lanchonetes que leva o seu nome. Ela enfrentava problemas de saúde há cerca de um mês e faleceu por insuficiência renal, em casa. O velório acontece em sua residência, na rua Cassemiro Andrade, 302, no Centro de Santa Maria de Itabira. O sepultamento será realizado às 17h, no cemitério da cidade.

A Rede Tia Eliana começou suas atividades no interior de Santa Maria de Itabira. Já são quase quatro décadas de atuação no ramo alimentício. Em 1978 foi aberta a cantina Tia Eliana, primeira lanchonete da rede. A empresa, familiar, cresceu de forma promissora e hoje mostra sua importância para o desenvolvimento do município.

A primeira loja em Itabira foi aberta em 2003. A Rede Tia Eliana atualmente é composta por 17 lojas espalhadas por Minas Gerais. No total, 700 funcionários integram a rede. Em Santa Maria de Itabira, a Tia Eliana é a maior empregadora da cidade, gerando renda para mais de 400 famílias. No carnaval do ano passado, a Escola de Samba Unidos do Poção levou às ruas de Santa Maria um enredo que enalteceu a empresa, sua fundadora e seus colaboradores.

No Facebook da rede de lanchonetes, seus colaboradores destacaram que “Tia Eliana é amor, pois sua vida sempre foi rodeada de pessoas que ajudaram a construir e estampar a sua marca. Nosso legado é manter sua essência de amor e simplicidade em tudo que faz, e assim continuaremos sua história. Estamos tristes e em luto pela partida dela, mas com o sentimento de que ela cumpriu lindamente o seu mandato. Com carinho, competência e, principalmente, amor, seguiremos a receita da Tia Eliana”, disse a publicação.