Desde 1984
Região
11 de fevereiro de 2019
Prefeitura alega crise e Bela Vista não terá carnaval
Reprodução
Carnaval foi sucesso de 2018
Diante das dificuldades financeiras, sobretudo pela continuidade da falta de repasses do governo do estado, a Prefeitura de Bela Vista de Minas, emitiu nota na manhã de segunda-feira (11), esclarecendo que não fará o Bella Folia neste ano. Segundo a administração, a dívida do estado com o município, já ultrapassa R$3.459.162,59 e a Prefeitura não dispõem de recursos para ofertar uma festa com conforto e segurança para os foliões.

A Prefeitura diz que tem conseguido, com esforços, quitar a folha de pagamento, encargos sociais e fornecedores, mantendo os serviços essenciais à população. Ainda assim, a administração do prefeito Wilber José de Souza (DEM), decretou Situação de Emergência Financeira, com a adoção de medidas para redução das despesas municipais. “O Município foi obrigado, inclusive, com a ausência de repasses do FUNDEB, a destinar recurso próprio para honrar com o pagamento dos profissionais da educação, deixando assim de realizar obras e demais melhorias na cidade para o custeio dos salários da educação. Certo é que as medidas adotadas, todas voltadas a redução de gastos, atingem também as comemorações festivas municipais. Assim, visando a racional utilização dos recursos municipais, comunicamos, com profunda tristeza, que não haverá BELLAFOLIA 2019”, diz nota da administração. Também segundo o comunicado, a Prefeitura afirma que não medirá esforços para a melhora das finanças municipais para garantir a realização de outras festividades municipais.