Geral
11 de janeiro de 2019

Grávida reclama de falta de exames pré-natal

Reprodução

A monlevadense Carolaine da Silva Malta vive um drama no fim de sua gestação. Segundo ela, com oito meses de gravidez ainda não viu nenhum resultado dos exames pré-natal, realizados na Policlínica Central.
Ela entrou em contato com o A Notícia na última terça-feira (8) para denunciar o que ela chamou de descaso no serviço público de saúde municipal. “Fiz exames no dia 12 de novembro e a entrega seria no dia 26. Fui lá buscar diversas vezes e não encontrei”, denunciou.
A gestante é moradora do bairro Nossa Senhora da Conceição e faz o pré-natal com o médico João Paulo Volpi De Vito, na Policlínica Central. De acordo com ela, o médico sempre cobra os resultados para acompanhar o estado de saúde dela. “Meu filho vai nascer sem eu ter visto um exame. Não tive resultado de testes de hepatite, exame de fezes e HIV, obrigatórios para uma mulher que vai dar a luz. Estou desesperada e chocada com tanto pouco caso da Prefeitura, que sumiu meus exames”, afirmou.
Questionada sobre o assunto, a secretária municipal de Saúde, Andrea Peixoto, ficou surpresa com a denúncia. Ela disse que todos os exames são entregues em tempo hábil. Andrea negou o sumiço dos documentos e garantiu que isso não ocorre na Prefeitura. A secretária, que tomou conhecimento do caso através da reportagem do A Notícia, informou que o exame dela deveria ter sido encaminhado à Policlínica pelo Consórcio Intermunicipal de Saúde do Médio Piracicaba (Cismepi), mas isso não aconteceu devido a uma funcionária ter entrado de férias e não ter deixado a determinação a ninguém para que o exame fosse devidamente entregue na Policlínica. Andrea também afirmou que o resultado do exame foi recolhido junto ao Cismepi, a paciente foi contactada e seria recebida ontem (10) na Policlínica para a sequência no acompanhamento.